Regras Gerais de Nossa Didática

  • Nunca subestimar as crianças quanto as suas capacidades;
  • Não fazer pela criança aquilo que ela pode fazer sozinha;
  • A criança estará sempre em constante atividade;
  • A aprendizagem é feita principalmente pela ação;
  • O professor não pode ter preconceitos (religiosos, raciais…);
  • O professor deve deixar transparecer uma afetividade igual para todos;
  • O relacionamento com as crianças deve ser carregado de afetividade;
  • Os problemas emocionais apresentados pelas crianças devem ser anotados e discutidos com os demais membros da escola;
  • Manifestação de irritação e grito com as crianças são evitados;
  • O professor deve ser expressivo em tudo aquilo que fala e faz;
  • O conflito é uma forma de socialização, educador deve ajudar as crianças a resolvê-lo;
  • O professor acompanha, controla e propõe situações de socialização;
  • Na sala prevalecerá um espírito coletivista (material comum, inclusive)
  • Conversa é socialização. Não impedir que as crianças conversem, inclusive quando trabalham;
  • O professor deverá responder as perguntas, cientificamente corretas;
  • O ensino será ministrado de modo a atender as diferenças individuais das crianças, visando a orientá-las conforme suas aptidões, interesses e capacidade.
Desenvolvido por: GIRO HOST